Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Alentejo: um destino obrigatório

Ir para fora cá dentro. Cada vez mais esta máxima se impõe. Ou porque não temos dinheiro suficiente para outras viagens, outras paragens ou porque nos apetece e apreciamos o que é ”nosso”. E apreciamos bem. Não foi por acaso que o Alentejo foi eleito como “destino obrigatório em 2014”. São várias as razões subjacentes a esta escolha. Desde logo, o clima, a paisagem, a gastronomia, a cultura e as tradições. Entre outros motivos de atração.

Para começar recomendo, por exemplo, o grande lago de Alqueva. A área de influência é vasta e as escolhas são imensas. Opto por selecionar Monsaraz. Aqui a oferta em termos de alojamento é muito diversificada e abrange um leque variado no que concerne a comodidade/qualidade/preços.

Sugiro por exemplo, o Monte de Santa Catarina, uma unidade de turismo em espaço rural muito acolhedora com uma decoração sui generis, uma boa relação qualidade/preço e um excelente atendimento por parte dos proprietários. Além de se localizar junto à vila de Monsaraz, o que facilita as saídas para almoçar e/ou jantar, tem, também, a vantagem de se situar próximo do grande lago. Neste caso, permite disfrutar em pleno das várias hipóteses de lazer à disposição: caminhadas, passeios de barco e/ou prática de vários desportos náuticos ao gosto de cada um. Neste caso recomendo uma ida ao centro Náutico de Monsaraz onde para além de poder disfrutar de uma maravilhosa paisagem poderá, ainda, tomar uma refeição ou simplesmente relaxar a ler um livro, por exemplo. Também os apreciadores da boa gastronomia têm aqui um conjunto muito diversificado de restaurantes. E, finalmente, aqueles que não resistem a uma lembrança (os amantes das compras) poderão sempre recorrer à cerâmica artística da região, cujas empresas se fazem representar nas diversas lojinhas do centro histórico da vila.  

 

 

Monsaraz (vista próxima do Monte de Santa Catarina)

 

 

O grande lago (vista a partir de Monsaraz)

 

 

 Monte de Santa Catarina (detalhe)

 

 

 Cerâmicas

O tempo da estadia dependerá das possibilidades de cada um, entenda-se. Este é apenas um exemplo de um fim de semana. Existem muitas outras alternativas possíveis.  

3 comentários

Comentar post