Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Na "rota do sabores" (8)

Um restaurante ou uma loja gourmet? Ambos coexistem no espaço da “Confraria”. Um conceito diferente que encontrei na rua de Santa Maria de Baixo (nº 10), às portas da “Judiaria”, no centro histórico de Castelo de Vide.

O espaço, gerido pelo casal Ramalho, que trocou Reguengos de Monsaraz (há mais de vinte anos) pelas Terras da Serra de S. Mamede, expõe, meticulosamente, todos os produtos à venda. Vinhos, azeites, queijos, compotas, biscoitos e bolachas de sabores diversos convivem harmoniosamente nos expositores. Os produtos, todos caseiros e de produtores locais e regionais, além de se destinarem a venda, são também consumidos no local por quem ali passa para almoçar ou jantar. Da decoração, muito a gosto, destaco os originais desenhos do balcão. As mesas são poucas mas suficientes para convívio em pequeno grupo. O ambiente, todo ele, convida à degustação. Foi essa a opção: um jantar de degustação à base de pratos de caça.

 

 

 De entrada uma tábua de queijos (de Nisa) e de enchidos da região acompanhados de um vinho branco muito fresco - Herdade do Sobro. Seguiu-se um
“arroz de lebre” (aromatizado com hortelã) solto e de sabor excelente que me captou o paladar à primeira garfada. Um sabor que vou guardar na memória nos próximos tempos. O repasto continuou com “perdiz de escabeche”. Igualmente deliciosa. Um tinto "Juromenha", levemente frutado, foi o vinho selecionado para acompanhar os pratos principais.

 

"arroz de lebre" e "perdiz de escabeche" 

 

No final e depois de uma degustação tão requintada (e diversificada) de sabores houve lugar para uma sobremesa de autor: “laranja à Confraria”. Uma mistura de sabores (tão diferentes) a conjugar na perfeição: laranja, azeite, canela e rebuçado de Portalegre. Original (pelo menos no que toca ao azeite e ao rebuçado) e muito boa também.

 

 "laranja à Confraria"

 

Além da excelente comida a Confraria oferece, ainda, um ambiente tranquilo e acolhedor. Familiar (diria) face ao atendimento personalizado e de grande proximidade que o Senhor Luís faz questão de proporcionar.

 

 Detalhes da Confraria

  

 

Nota: foi realmente um prazer jantar na “Confraria”, um espaço em plena “Rota dos Sabores” no Alto Alentejo. Aconselho vivamente a quem passar por Castelo de Vide.

 

4 comentários

Comentar post