Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Verdades sobre a mentira

 Hoje, 1 de abril, comemora-se o “dia das mentiras”. Diz o povo.

 Mentira, uma palavra que nunca suportei. Uma forma de estar (e de ser) que contamina as relações interpessoais. A nuvem negra no horizonte inter-relacional; a gota que faz transbordar o oceano da dúvida e da desconfiança; o antídoto do amor, da paixão, da amizade e do respeito; a forma virulenta de beliscar sentimentos nobres.

 Quem vive na (e da) mentira desconhece, completamente, a pureza dos sentimentos. Ilude e ilude-se a si mesmo, vivendo num mundo de fantasia fútil e efémera. Costumo dizer: quem mente está doente e nunca terá a oportunidade e o prazer de vivenciar a essência e o valor da autenticidade. A verdade alimenta a alma e confere dignidade. Viver na verdade é viver em liberdade. E quem não gosta de se sentir livre?

2 comentários

Comentar post