Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Escrita ao Luar

Um blog de “escrita” sensitiva e intimista sobre (quase) tudo... e com destaque para: viagens, ambientes inspiradores e gastronomia.

Foi há 34 anos

... Era noite, e estava frio. Morava em mim a maior das expectativas. Ver-te, tocar-te, adormecer-te no meu regaço...
Chegaste e tudo mudou: o mundo ganhou outra cor; a lua deu lugar ao sol e o brilho das estrelas iluminou por completo toda a minha existência - um momento mágico. Guardo em mim o nosso primeiro encontro: uma breve troca de olhares, que me deixou rendida ao mais nobre dos sentimentos: o Amor de mãe.
Que mais posso dizer-te? Que mais posso escrever? Nada. Qualquer palavra reduz à insignificância o mais forte dos sentimentos. Parabéns meu Príncipe. Adoro-te.

1 comentário

Comentar post